Sósias de Saddam confundem os EUA

A fama que o presidente iraquiano Saddam Hussein tem de possuir vários sósias está confundindo os Estados Unidos. O secretário de Defesa norte-americano, Donald Rumsfeld, admitiuque tem ?dúvidas? sobre a autenticidade do pronunciamento feito por Saddam na TV iraquiana horas depois do ataque. ?É isso que estamos tentando estabelecer agora?, disse Rumsfeld, ao ser indagado sobre se um sósia poderia ter substituído Saddam no discurso ou se a mensagem poderia ter sido gravada com antecedência.Especialistas em análise de imagens de diferentes nacionalidades, no entanto, garantem que todos os indícios parecem apontar para a autenticidade do discurso. Um oficial do Exército alemão que fez um estudo sobre os sósias de Saddam, Dieter Buhmann, disse a uma emissora de TV de Berlim que a probabilidade de que a imagem fosse do próprio Saddam era ?muito, muito alta?.Três sósias?Não consegui encontrar nem uma única característica que pudesse indicar que aquele não fosse o verdadeiro Saddam Hussein?, disse Buhmann. O estudo do oficial inclui 450 fotografias de Saddam e concluiu que o ditador tem pelo menos três sósias no Iraque. Buhmann é capaz de diferenciar Saddam desses sósias por detalhes mínimos, como o tamanho das orelhas, das mãos e o formato dos ombros.O Centro de Investigações Políticas de Israel, informou que, ?muito provavelmente?, a declaração tinha sido transmitida ao vivo pela TV iraquiana. Segundo a análise do centro, o modo como Saddam se expressou e a ausência de vestígios de que as imagens tivessem sido editadas indicam que dificilmente se tratava de uma gravação.Saddam apareceu na TV usando uniforme militar ? no lugar de terno e gravata ? e óculos. Segundo o Ministério da Informação, depois do discurso o ditador se reuniu com os ministros para traçar a estratégia de defesa do país.BunkersSaddam dispõe de pelo menos três bunkers, construídos com tecnologia avançada por técnicos iugoslavos durante os anos 80, quando o país ainda podia desfrutar da prosperidade criada pelas reservas de petróleo. Segundo informou, em Belgrado, o supervisor das construções, Sreten Cupic, cada um desses bunkers foi desenhado para abrigar até cem pessoas por três meses. ?Na época, foram os projetos mais caros do mundo, com valor total próximo dos US$ 2 bilhões?, disse Cupic.O bunker para abrigar Saddam foi construído para dar três níveis de segurança ? o mais profundo poderia resistir até ao impacto da explosão de uma bomba atômica de potência média nas proximidades. O complexo foi edificado com armação de aço reforçada e com o mesmo tipo de cimento usado para a construção de pontes.Os outros dois abrigos foram construídos para os funcionários mais próximos do poder e para servir de sede para os altos oficiais militares. Todos eles foram equipados com sofisticados dispositivos para permitir a sobrevivência da elite iraquiana. Veja o especial :

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.