Submarino nuclear entra em serviço na Marinha russa

A Marinha da Rússia recebeu nesta quinta-feira oficialmente um novo submarino de propulsão nuclear que faz parte da futura estratégia do país de dissuasão militar. O presidente Vladimir Putin congratulou a tripulação do submarino Yuri Dolgoruky em uma cerimônia. A construção do submarino começou em 1995 mas sofreu vários atrasos por causa do desmantelamento da área de tecnologia, após o colapso soviético, e apenas em 2009 a belonave começou a navegar. A entrada em serviço do submarino também foi atrasada por problemas no desenvolvimento do míssil inter balístico Bulava, que faz parte do armamento. O Bulava passou por uma série de testes fracassados, levando a dúvidas sobre o futuro do projeto militar mais caro da era pós-soviética na Rússia. Mas os testes em 2012 foram bem sucedidos e permitiram finalmente a entrada do Yuri Dolgoruky no serviço na Marinha com armamentos completos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.