Subsecretário dos EUA se desculpa com jornalistas

O subsecretário de Defesa dos EUA, Paul Wolfowitz, se desculpou com os correspondentes de guerra por dizer que muitos tinham medo de viajar para o Iraque e, por isso, reportavam rumores. Numa carta aberta entregue por um porta-voz do Pentágono, Wolfowitz afirmou que apreciava os riscos que os repórteres assumiam para cobrir a guerra. "Sei que muitos jornalistas continuam saindo a cada dia, nas circunstâncias mais perigosas, para nos trazer as notícias da guerra no Iraque e no Afeganistão", afirmou o subsecretário. Durante a cobertura da guerra no Iraque, 34 jornalistas morreram.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.