Sudão do Sul: Governo e rebeldes iniciam diálogo de paz

O governo do Sudão do Sul e os rebeldes que tentam depor o governo iniciaram negociações de paz formais hoje em Adis-Abeba, capital da Etiópia.

AE, Agência Estado

06 de janeiro de 2014 | 12h45

O objetivo do diálogo é pôr fim a uma rebelião iniciada há apenas três semanas e que já deixou cerca de mil mortos e desalojou centenas de milhares de pessoas na mais jovem nação do planeta.

"Eles começaram a negociar", declarou Getachew Reda, porta-voz do governo da Etiópia à AFP. O início do diálogo ocorre depois de dias de tentativas frustradas de reunir representantes do governo e dos rebeldes para discutir um cessar-fogo.

O conflito no Sudão do Sul teve início em 15 de dezembro, contrapondo soldados leais ao presidente Salva Kiir a uma aliança de milícias étnicas e oficiais amotinados liderados pelo ex-vice-presidente Riek Machar, demitido em julho último. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tudo o que sabemos sobre:
Sudão do Sulnegociaçõespaz

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.