Suicida mata 2 guardas em Cabul, diz governo afegão

Um ataque suicida hoje na entrada de um shopping e perto de um hotel na capital do Afeganistão, Cabul, matou dois guardas. A informação foi divulgada por Zemarai Bashary, porta-voz do Ministério do Interior.

AE, Agência Estado

14 de fevereiro de 2011 | 09h39

Ele disse, em entrevista a um canal de televisão privado, Tolo News, que o agressor se explodiu após ser parado por guardas nos portões do shopping City Center. Além dos dois guardas mortos, "algumas outras pessoas se feriram", segundo o porta-voz. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Afeganistãoatentadosuicidaguardas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.