Suicida mata dez policiais no noroeste do Paquistão

Um suicida em um carro-bomba matou hoje dez policiais no noroeste do Paquistão, segundo um funcionário do governo local. Outras 15 pessoas ficaram feridas na explosão. O ataque foi contra uma patrulha policial tribal, no Waziristão do Norte.

AE-AP, Agencia Estado

10 de fevereiro de 2010 | 13h02

O funcionário Rasheed Khan disse que o agressor lançou seu carro contra um veículo da polícia, na área tribal de Khyber, perto da fronteira com o Afeganistão. Nenhum grupo reivindicou até o momento o atentado, mas os militantes do Taleban geralmente realizam ataques contra as forças de segurança paquistanesas.

Tudo o que sabemos sobre:
Paquistãoatentadosuicidapoliciais

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.