Suposto ataque da Al-Qaeda mata 3 no Iêmen

Funcionários do setor de segurança do Iêmen afirmaram que dois soldados e um civil foram mortos quando homens armados, supostamente membros da Al-Qaeda, atacaram postos de segurança na cidade de Mukalla, no leste do país.

AE, Agência Estado

17 de maio de 2011 | 14h24

Há uma ramificação ativa da rede terrorista no Iêmen, que se aproveita dos meses de protestos populares pedindo a deposição do presidente Ali Abdullah Saleh para lançar operações nas pouco controladas províncias. No poder desde 1978, Saleh é considerado pelos Estados Unidos um importante aliado na luta contra o terrorismo. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
IêmenataqueAl-Qaedamortes

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.