Supostos membros da Al-Qaeda são presos no Paquistão

Comandos paquistaneses antiterrorismo prenderam nesta segunda-feira dois afegãos e um árabe, suspeitos de serem militantes da Al-Qaeda, depois de um tiroteio fora da cidade de Peshawar, no norte do país. A polícia abriu fogo contra um veículo que transportava os homens depois que eles se recusaram a parar em um bloqueio em um estrada nos arredores da cidade. Depois disso, os suspeitos trocaram tiros com os policiais. Oficiais da inteligência paquistanesa não revelaram a identidade dos homens e não se sabe o grau de importância dos detidos na organização terrorista. Segundo eles, um quarto suspeito conseguiu escapar.

Agencia Estado,

17 Abril 2006 | 14h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.