Suprema Corte dos EUA abre caminho para maconha medicinal

A Suprema Corte dos Estados Unibos abriu caminho para leis estaduais que permitam o uso de maconha com receita médica. Os juízes se recusaram a analisar a solicitação, feita pelo governo Bush, de que a administração federal fosse autorizada a punir médicos que receitem ou recomendem maconha aos pacientes.Nove Estados dos EUA têm leis que autorizam o consumo de maconha com receita médica, mas a lei federal proíbe a cannabis sob quaisquer circunstâncias. Agora, apoiadores das leis que permitem a maconha medicinal dizem que, ao se recusar a intervir, a Suprema Corte pode incentivar outros Estados a autorizar a cannabis com receita.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.