Supremo examina recursos contra candidatura de Musharraf

Pedidos foram apresentados por Mahkdum Amin Fahim, do Partido Popular, e juiz aposentado Wajihuddin Ahmed

Efe,

03 de outubro de 2007 | 03h38

A Corte Suprema do Paquistão realiza nesta quarta-feira, 3, uma sessão para examinar os recursos apresentados por dois rivais do presidente, o general Pervez Musharraf, contra sua candidatura à eleição presidencial realizada este sábado. Conforme informado pelo canal privado Geo TV, o presidente do Supremo, Iftikhar Chaudhry, ordenou formar um grupo de nove magistrados para estudar os pedidos apresentadas, na terça-feira, por Mahkdum Amin Fahim, do Partido Popular do Paquistão, e o juiz aposentado Wajihuddin Ahmed. Ambos asseguram que a Comissão Eleitoral devia ter impedido que Musharraf concorresse à eleição, devido a sua condição de general e chefe das Forças Armadas, algo que, afirmam, invalida sua candidatura. Fahim e Ahmed são os principais rivais de Musharraf na eleição presidencial do sábado. O grupo de magistrados que analisará os novos recursos contra Musharraf será presidido pelo juiz Javed Iqbal, disse a Geo TV.

Tudo o que sabemos sobre:
MusharrafPaquistão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.