Supremo líder iraniano diz que resistência do Hezbollah é vitória do Islã

Em uma mensagem dirigida ao líder do Hezbollah, xeque Hassan Nasrallah, o supremo líder iraniano, aiatolá Ali Khamenei, descreveu a resistência do grupo islâmico à ofensiva do Exército israelense como uma "vitória" do Islã. "Sua guerra santa sem precedente e estável está além dos limites de minha descrição. Isto é uma vitória divina. Isto é uma vitória do Islã. Com a ajuda de Deus, vocês foram capazes de provar que a superioridade não é (medida) pela superioridade no número (de soldados), aviões, navios de guerra e tanques", disse Khamenei em uma mensagem lida por um locutor na rede de televisão do Hezbollah Al-Manar. O líder acrescentou que os militantes "ridicularizaram o mito de que o Exército sionista é invencível".Khamenei disse também que os ataques israelenses que tinham como alvo a infra-estrutura e os civis libaneses expôs "a verdadeira face da América e de alguns países europeus, (que estão) lado a lado do odiado e repugnante Estado sionista". Ele rebateu as declarações do presidente norte-americano, George W. Bush, de que Israel teria apenas se defendido ao invadir o Líbano e que teria vencido as milícias xiitas. "Isso (o comunicado de Bush) mostrou diante os olhos de todo o mundo um flagrante exemplo de sua severidade, violência e injustiça." Se referindo a Nasrallah como "um querido guerreiro santo", Khamenei pediu aos libaneses para que sejam cuidadosos diante das tentativas israelenses de espalhar a discórdia entre os políticos libaneses. "Todos (os libaneses) devem estar precavidos diante destes venenos. Vocês terão êxito, com a ajuda e o poder de Deus, em frustrar as conspirações inimigas. Com isso vocês merecerão outra vitória, com o desejo de Deus", disse. Em uma mensagem a Nasrallah, Khamenei disse que a "jihad que você trava hoje em dia neste campo não é menos importante do que sua jihad, que é repleta de sacrifícios e dedicação no campo militar".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.