Byron Dilkes/Danah Divers/REUTERS
Byron Dilkes/Danah Divers/REUTERS

Surfista de 17 anos é morto por tubarão em praia da Austrália

Este é o quinto ataque letal contra banhistas registrado no país neste ano; rapaz morreu na areia

Redação, O Estado de S.Paulo

11 de julho de 2020 | 12h08

SYDNEY - Um jovem de 17 anos morreu depois de ser atacado por um tubarão quando surfava na praia de Wooli, 630 km ao norte de Sydney, na costa leste da Austrália, anunciou neste sábado a polícia de Nova Gales do Sul.

"Vários surfistas tentaram socorrê-lo antes que o jovem conseguisse chegar à areia", afirmou um comunicado da polícia.

A vítima não resistiu aos ferimentos e morreu ainda na praia. Helen Dobra, uma moradora local,  disse para um canal de TV que conversou com um dos surfistas após o ataque. "Ele disse que estava na água e um tubarão branco apareceu e deu uma mordida no seu colega, que começou a gritar", disse ela.

"Então, parece que o tubarão voltou novamente para outro ataque até que um outro surfista corajosamente o espantou e tirou o rapaz da água."

A TV local mostrou oficiais na praia carregando uma prancha branca com uma marca de mordida.

Este é o quinto ataque letal de tubarão registrado no país em 2020.

Na semana passada, um tubarão matou um homem de 36 anos que praticava pesca submarina em Fraser Island, a 700 km da praia do ataque registrado neste sábado. / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.