Suspeito de assassinato quer ser prefeito

O ex-agente da KGB Andrei Lugovoi, principal suspeito do assassinato de Alexander Litvinenko, pode concorrer à prefeitura de Sochi, cidade que abrigará os Jogos de Inverno de 2014, anunciou ontem seu partido. Litvinenko, crítico do Kremlin, morreu envenenado por radiação em Londres, em 2006. A decisão final sobre a candidatura sai em uma semana.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.