Suspeito de matar dois gays é preso em Nevada

Um jovem procurado pelo FBI por envolvimento nas mortes de dois homens gays na Flórida foi capturado esta noite durante uma celebração de Orgulho Gay na cidade de Reno, em Nevada.Adam Ezerski, 19 anos, de Atlantic Beach, Flórida, se rendeu a agentes do FBI no seu quarto de hotel. Ele será extraditado para Flórida para responder à acusação de assassinato em primeiro grau. Ele foi encontrado com outro homem, Troy Young, de São Francisco, que também foi preso por violação de condicional. Ezerski é acusado de estrangular Anthony Martilotto, 39 anos, residente em Nova York e Flórida, em um hotel de Fort Lauderdale, dia 26 de julho deste ano. O FBI também investiga o envolvimento de Ezerski na morte de Irving Sicherer, 76 anos, encontrado morto um dia antes, em Aventura.Daron W. Borst, um agente especial do FBI, disse que ainda não pode afirmar se Ezerski é gay. Seu irmão, Aaron Smith, 18 anos, disse ao jornal San Jose Mercury News que o aucsado não é gay e sim homofóbico. Ezerski é ainda acusado de atacar um homem de 43 anos em São Francisco depois de fazer amizade com a vítima e ficar em seu apartamento por dois dias.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.