Suspeito se descrevia como 'calmo e discreto'

Formado em Neurociência, James Eagan Holmes, de 24 anos, estudava para obter o grau de doutor na área na Universidade do Colorado, em Denver, mas, segundo a instituição, tinha pedido para deixar o curso que frequentava no câmpus médico de Anchutz, em Aurora.

O Estado de S.Paulo

21 de julho de 2012 | 03h01

Nascido em 13 de dezembro de 1987, o americano passou pelo menos parte de sua infância em San Diego, na Califórnia, onde seus pais ainda vivem, num tranquilo bairro de subúrbio. Holmes obteve seu título de bacharel em Neurociência em 2010, mas não conseguiu emprego na área ao voltar para San Diego.

Um amigo de sua família disse que Holmes passou cerca de um ano trabalhando por meio período na rede de lanchonetes McDonald's. Em junho de 2011, o suspeito começou a cursar o doutorado em Aurora. Segundo o jornal Denver Post, no formulário que preencheu para alugar seu apartamento ele se descreveu como "calmo e discreto".

Os vizinhos do prédio onde ele vivia, reservado para alunos e funcionários de seu câmpus, o descreviam como "recluso", ainda de acordo com o diário americano. "Ninguém o conhecia", disse um deles. Rachel Reed, outra vizinha, disse que Holmes fez comentários racistas ao ouvir rap num bar.

"Trata-se de um indivíduo transtornado", disse o comissário de polícia de Nova York, Ray Kelley. / REUTERS

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.