Suspeitos de planejar atentado são indiciados

Três dos quatro presos na Dinamarca sob suspeita de planejar um atentado contra o jornal que publicou em 2005 uma charge do profeta Maomé foram acusados de terrorismo ontem. Um dos suspeitos foi libertado e outro, detido na Suécia, segue preso em uma cadeia de Estocolmo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.