Suspensa visita de ex-presidente sul-coreano à Coréia do Norte

A viagem à Coréia do Norte do ex-presidente sul-coreano Kim Dae-jung, que estava prevista para a próxima terça-feira, foi suspensa, informou o ex-ministro da Unificação Jeong Se-hyun. "Achamos que agora não é o momento apropriado" disse Jeong, chefe do comitê que negocia com as autoridades norte-coreanas a viagem do ex-governante.O anúncio é feito em meio a crescente tensão provocada pelos preparativos do lançamento de um míssil intercontinental na Coréia do Norte.O ex-presidente sul-coreano Kim Dae-jung tinha planejado a viagem para abril. Já em fevereiro havia adiado sua viagem para depois das eleições locais de maio.Kimm, o único governante sul-coreano que se reuniu com o líder norte-coreano Kim Jong-il, tinha em sua agenda o desbloqueio das negociações multilaterais sobre o programa nuclear norte-coreano. As negociações entre as duas Coréias, China, Japão, Rússia e Estados Unidos estão estagnadas desde novembro passado, quando foi realizada a última rodada voltada para o desmantelamento do programa nuclear do regime de Pyongyang.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.