Suspensão de programa nuclear não está nos planos do Irã

O Irã não prevê suspender seu enriquecimento de urânio, declarou neste domingo o porta-voz da diplomacia do país, Hamid Reza Asefi, a dois dias do término do prazo fixado por Teerã para dar uma resposta à oferta das superpotências, que exigem a suspensão."A questão da suspensão é uma volta ao passado e não figura nos planos da República Islâmica", disse Asefi durante sua coletiva de imprensa semanal.O Irã anunciou que responderia no dia 22 de agosto a uma oferta das superpotências para que suspenda o enriquecimento de urânio. O Conselho de Segurança da ONU, por sua parte, deu prazo até 31 de agosto para a suspensão das atividades e ameaçou a República Islâmica com possíveis sanções caso as exigências não sejam cumpridas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.