Tailândia emite ordem de busca e captura contra ex-premiê

Shinawatra e sua esposa anunciaram que se exilariam no Reino Unido e não retornaram para o país

Efe,

11 de agosto de 2008 | 06h32

A Corte Suprema da Tailândia emitiu nesta segunda-feira, 11, uma ordem de busca e captura contra o ex-primeiro-ministro Thaksin Shinawatra e sua esposa, depois que este anunciou que se exilaria no Reino Unido. Veja também:Ex-primeiro-ministro tailandês pedirá asilo no Reino Unido Premiê tailandês destituído não regressa à casa  A corte argumentou que o casal não cumpriu sua obrigação de voltar à Tailândia para comparecer perante o juiz após obter permissão para viajar à China, onde assistiu à cerimônia de inauguração dos Jogos Olímpicos de Pequim, informaram fontes judiciais. Shinawatra, dono do clube de futebol inglês Manchester City e que se encontra em liberdade provisória, disse em Londres e através de um porta-voz que sua decisão responde às ameaças contra sua segurança e o injusto tratamento que recebe nos tribunais de seu país que o julgam por suposta corrupção.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.