Ali Haider/Efe
Ali Haider/Efe

Talabani chega à Alemanha para tratamento médico

Preisdente do Iraque sofreu um AVC e, segundo médicos, responde bem ao tratamento

AE, Agência Estado

20 de dezembro de 2012 | 09h40

BAGDÁ - O presidente do Iraque, Jalal Talabani, chegou à Alemanha nesta quinta-feira, 20,  para receber tratamento médico, após ter sofrido um acidente vascular cerebral (AVC) no início da semana, embora a seriedade de seu estado de saúde permaneça um mistério.

Talabani, de 79 anos, foi levado às pressas para um hospital de Bagdá na noite de segunda-feira. Várias autoridades iraquianas disseram que ele sofreu um AVC. De acordo com médicos e outras autoridades, ele parece estar respondendo bem ao tratamento e tem mostrado sinais de melhora.

O ministro de Relações Exteriores da Alemanha, Guido Westerwelle, disse que Talabani chegou ao país na manhã desta quinta-feira, mas não deu mais detalhes. "Posso confirmar que o presidente iraquiano está recebendo tratamento na Alemanha. Eu enviei a ele sinceros votos de uma recuperação rápida e completa", declarou Westerwelle.

O legislador iraquiano Mahmoud Othman disse que o presidente foi para Berlim depois de um grupo de médicos alemães ter recomendado que ele fosse levado ao exterior para ser tratado. Não está claro para qual hospital Talabani foi enviado.

Em comunicado divulgado em seu site oficial, a presidência iraquiana diz que o tratamento realizado em Bagdá "forneceu as condições corretas para a transferência de Talabani para fora do país para um acompanhamento na Alemanha". O site também não divulgou detalhes sobre o estado de saúde do presidente.

A presidência do Iraque é um cargo basicamente cerimonial. O primeiro-ministro Nouri al-Maliki é o chefe de governo do país.

As informações são da Associated Press

Tudo o que sabemos sobre:
IraqueAlemanhaJalal Talabani

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.