Taleban ataca base da Otan no leste do Afeganistão

Segundo a força de segurança da aliança, vários insurgentes morreram durante o ataque

Efe,

30 de junho de 2010 | 05h32

 

  CABUL - Um comando taleban atacou nesta quarta-feira, 30, o aeroporto e uma base militar da cidade afegã de Jalalabad (leste do país), enquanto a Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf, sigla em inglês) disse ter repelido a ação e matado vários dos agressores.

 

Veja também:

linkKarzai anuncia novo responsável pelo Exército

especial30 anos de violência e caos no Afeganistão

 

Segundo afirmou a Isaf em comunicado, "vários" insurgentes morreram durante o ataque, que começou pela manhã com um grupo equipado com lança-granadas, armas curtas e um carro carregado de explosivos que explodiu às portas do aeroporto.

"Não entraram no perímetro do aeroporto. Vários insurgentes morreram durante o ataque. Dois soldados das tropas conjuntas (afegãs e internacionais) ficaram levemente feridos", assegura na nota a organização, que descarta a existência de vítimas civis.

Um porta-voz taleban, Zabiullah Mujahid, afirma à agência afegã AIP que o grupo, composto por dez homens, matou ou causou ferimentos a 152 soldados da Otan e 15 afegãos. Os taleban, porém, costumam exagerar em informações que divulgam sobre baixas.

Seis membros do comando morreram e os outros quatro conseguiram escapar, segundo Mujahid, que garante que os insurgentes conseguiram entrar no aeroporto e destruíram 13 aeronaves.

Dentro do perímetro do aeroporto de Jalalabad, capital da província de Nangarhar e uma das zonas de influência das milícias insurgentes, há uma base das tropas dos EUA desdobradas no Afeganistão que se encarrega da gestão das instalações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.