Taleban ataca base dos EUA no Afeganistão

Militantes atacaram nesta segunda-feira uma base norte-americana no Afeganistão, perto da fronteira com o Paquistão, lançando bombas, ateando fogo a veículos e fechando uma via usada por caminhões de suprimentos da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), informaram funcionários. Pelo menos três pessoas, aparentemente todos insurgentes, foram mortos.

Agência Estado

02 Setembro 2013 | 14h33

O Taleban assumiu a responsabilidade pelo ataque na região de Torkham, o maior de uma série no país após os Estados Unidos terem reduzido sua presença militar, que deve ser totalmente retirada até o final do ano que vem. Militantes costumam atacar as linhas de suprimento da Otan no Afeganistão e no Paquistão.

Em breve comunicado, a Otan confirmou um "mal sucedido ataque coordenado pelas forças inimigas" mas disse que nenhum de seus homens foi morto. A aliança militar não divulga informações sobre tropas feridas.

Nenhum integrante das forças de segurança ou civis afegãos foi morto ou ferido, segundo Esa Khan Zwak, administrador-chefe do distrito de Mohmandara, onde está localizada a base militar.

Ahmad Zia Abdulzai, porta-voz do governador da província de Nangarhar, declarou que vários militantes, usando coletes com explosivos e carregando armas, realizaram o ataque. Segundo ele, forças afegãs e norte-americanas trocaram disparos com os insurgentes. Helicópteros da Otan também participaram do confrontos, disse o porta-voz.

O ataque ocorreu por volta das 6h30 (horário local) e durou três horas e meia, informou Masoum Khan Hashimi, vice-chefe de polícia da província de Nangarhar.

Um fotógrafo da Associated Press que estava no local viu três corpos de supostos atacantes, aparentemente mortos a tiros por helicópteros da Otan. Os supostos insurgentes não conseguiram entrar na principal área da base, mas tentaram se esconder sob a ponte de um pequeno canal, perto de onde foram atingidos.

A estrada entre a cidade de Jalalabad e Torkham, uma importante rota para os caminhões de suprimentos da Otan, foi fechada.

Em comunicado enviado por e-mail, o porta-voz do Taleban Zabiullah Mujahid disse que o grupo insurgente esteve por trás do ataque da manhã desta segunda-feira. Segundo ele, os homens do grupo destruíram vários tanques. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
AfeganistãoOtanEUAbase

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.