Taleban executa 5 opositores no Afeganistão

O taleban, milícia que governa o Afeganistão, executou por enforcamento, este sábado, cinco comandantes da oposição capturados no norte do país. A informação é da agência de notícias do taleban, a Afghan Islamic Press (AIP). Os cinco comandantes tinham sido detidos depois que as forças do taleban rechaçaram uma ofensiva das forças de oposição na região de Darae Souf, na província de Samangán. Esta execução aconteceu um dia depois da captura e execução do comandante Abdul Haq, herói da resistência do exército soviético dos anos 80, no leste do Afeganistão. Haq será enterrado no domingo em Peshawar, no Paquistão. O taleban decidiu entregar o corpo do antigo comandante oposicionista aos seus familiares, assim como o de seus companheiros também executados pelo governo. O porta-voz do ministro da Informação do taleban, Abdul Hanan Himat, declarou, neste sábado, que as forças de segurança do país estão procurando um cidadão americano que estaria viajando na companhia do comandante Abdul Haq. ?Até onde sabemos o nome do americano é Jamber Jihi. Ele conspirava com Haq e estamos à sua procura?, disse Himat. Ainda segundo a AIP, aviões norte-americanos bombardearam intensamente na noite de sexta-feira e manhã de sábado as cidades de Kandahar, Cabul, Jalalabad e Herat, assim como as linhas de frente do combate. Houve pelo menos seis ataques aéreos sobre o aeroporto de Cabul desde a noite de sexta-feira. Esses bombardeios deixaram um morto e seis feridos. Outras duas pessoas morreram em Kandahar. Mais outras duas pessoas ficaram feridas em Taloqan, capital da província de Tajkar, quando os aviões norte-americanos bombardearam a região, pela primeira vez desde o início da ofensiva de 7 de outubro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.