Taleban não impedirá reconstrução do Afeganistão, diz Otan

O secretário-geral da Otan, Jaap de Hoop Scheffer, afirmou em Cabul que a Aliança Atlântica está preparada para combater no Afeganistão e que "não aceitará" que o processo de reconstrução e desenvolvimento do país seja "destruído" pelos talebans.De Hoop Scheffer, que chegou na quinta-feira a Cabul para uma visita de dois dias, deu uma entrevista coletiva junto com o presidente afegão, Hamid Karzai. Ele disse estar certo de que um fracasso no Afeganistão seria uma ameaça a toda a comunidade internacional. "A Otan está preparada. Se houver necessidade de uma ofensiva", afirmou."A Isaf (Força Internacional de Assistência para a Segurança) não aceitará que o processo de reconstrução e desenvolvimento seja destruído por esta gente com a qual Afeganistão teve uma história terrível", acrescentou.Ele também ressaltou que o compromisso da Otan com o país é "a longo prazo" e acrescentou que a luta é contra aqueles que buscam acabar com valores universais.Karzai disse ter recebido "mais uma vez" o compromisso de que os países da Otan estarão ao lado do Afeganistão.De Hoop Scheffer deixa nesta sexta-feira o Afeganistão, depois de se reunir com chefes da Isaf e representantes da comunidade internacional em Cabul.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.