Taleban reivindica ataque a palácio no Afeganistão

O Taleban alega ter atingido uma das áreas mais seguras da capital afegã, onde uma série de explosões e tiros foi ouvida há pouco em frente ao palácio presidencial.

AE, Agência Estado

25 de junho de 2013 | 00h29

Uma nuvem de fumaça foi vista acima do portão leste do palácio depois que, pelo menos, dez explosões e cerca de 45 minutos de rajadas de fogo foram ouvidas.O palácio está em uma grande área fortificada da cidade de Cabul, que também inclui a Embaixada dos EUA e o quartel general das forças da coalizão liderada pela Otan.

O Taleban enviou uma rápida declaração dizendo que "nós trouxemos a morte ao inimigo".

Repórteres, que se reuniam no local para um evento com o presidente Hamid Karzai, contaram pelo menos sete explosões. Fonte: Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
afeganistãoviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.