Taleban volta a usar baterias antiaéreas

Aviões americanos atacaram posições do Taleban ao norte de Cabul e a milícia islâmica respondeu com suas baterias antiaéreas, que não eram usadas há pelo menos dois dias. O Taleban ainda bombardeou posições da Aliança do Norte, que se opõe ao atual regime afegão. Como as baterias antiaéreas não estavam sendo usadas, suspeitava-se que o Taleban estivesse sem munição.Testemunhas disseram que cerca de de 30 bombas foram lançadas contra a cidade de Bagram, onde existe um aeroporto controlado pela Aliança do Norte, que se opõe ao regime afegão. A oposição, entretanto, não tem conseguido usar o aeroporto pois o Taleban dominou áreas próximas. Aparentemente, o objetivo do bombardeio foi libertar o aeroporto para que a Aliança do Norte possa voltar a usá-lo.O vilarejo de Karabahg, que fica à margem da principal estrada afegã e liga o vale de Panjshir com Kabul, também foi atacado por aviões americanos. Segundo testemunhas, pelo menos uma dúzia de bombas foi lançada contra a planície de Shomali, perto do vale de Panjshir, controlado pela oposição.Leia o especial

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.