Teerã fecha principal jornal reformista

O governo do Irã ordenou ontem o fechamento do principal jornal reformista do país, o Shargh, após a publicação de uma entrevista com a poetisa Saghi Qahraman, que defendeu maior igualdade de gêneros no país. O Shargh havia sido fechado por três meses em 2006 por ter reproduzido a caricatura do Profeta Maomé que causou revolta em vários países.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.