Teerã saúda libertação de marinheiros por EUA

O Irã considerou ontem de "gesto humanitário positivo" a libertação, na sexta-feira, de marinheiros iranianos - que estavam em poder de piratas somalis - por um navio da Marinha americana. Na terça-feira, Teerã havia advertido contra a presença de navios de guerra americanos no Estreito de Ormuz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.