Tempestade de areia atinge Golfo

Exportação de petróleo e voos na região são afetados

AP, AFP e Reuters, CIDADE DO KUWAIT, O Estadao de S.Paulo

11 de março de 2009 | 00h00

Uma forte tempestade de areia no Golfo Pérsico prejudicou ontem a exportação de petróleo na região e afetou o tráfego aéreo na Arábia Saudita.De acordo com fontes do governo do Kuwait, a exportação de petróleo foi suspensa por duas horas por causa da tempestade. No entanto, a pausa não afetou os compromissos do Kuwait com seus clientes, pois suspensões como essa estão previstas nos contratos, afirmou Mohammed al-Ajmi, porta-voz da estatal petrolífera kuwaitiana.Ajmi afirmou que as operações nos três portos do país foram retomadas após o fim da tempestade. O Kuwait produz diariamente 2,3 milhões de barris de petróleo e exporta a maioria de sua produção.Na Arábia Saudita, a tempestade de areia - a mais forte a atingir a capital, Riad, em décadas - levou à interrupção do tráfego aéreo no Aeroporto Internacional Rei Khalid. Vários voos internacionais foram desviados para outros aeroportos do país. Segundo meteorologistas, a visibilidade na capital caiu para quase zero durante a ventania. Testemunhas disseram que a tempestade de areia durou cerca de 10 minutos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.