Tempestade solar ameaça energia e comunicações

Duas emissões explosivas de energia do Sol atingiram o campo magnético da Terra nos últimos dias e a Administração Oceânica e Atmosférica Nacional dos Estados Unidos (Noaa, nas iniciais em inglês) advertiu nesta sexta-feira que isso pode ter impacto em redes de transmissão de energia elétrica, sistemas de posicionamento global (GPS) e outros sistemas de comunicação via satélite.

Agência Estado

05 de agosto de 2011 | 20h35

O cientista Joseph Kunches, do Centro de Previsão do Clima Espacial da Noaa, disse em entrevista coletiva que as companhias aéreas que operam voos entre a América do Norte e a Ásia foram notificadas sobre a intensificação do vento solar, que interfere com comunicações por rádio de alta frequência.

Segundo Kunches, as explosões de energia do Sol atingem o campo magnético da Terra na forma de vento solar. É cedo demais para dizer quais serão os efeitos, acrescentou. "Se é uma tempestade solar realmente grande, ela ainda poderá estar ativa sábado à noite, mas esse nível de distúrbio não se sustentará por muito tempo", disse o cientista.

Ele ressalvou que "parece que o campo magnético está sendo atingido mais duramente do que pensávamos que seria".

A Noaa notificou as operadoras das redes de transmissão de energia e as de comunicações via satélite. Kunches disse que as regiões mais próximas do Polo Sul e do Polo Norte poderão ter seus sistemas de comunicações mais afetados. "Os polos magnéticos dos dois hemisférios são as áreas mais expostas a partículas carregadas que vêm com o vento solar", disse o cientista.

Segundo a Noaa, três grandes explosões de energia emergiram do Sol desde terça-feira; elas foram detectadas por um satélite da Nasa (Administração Nacional de Aeronáutica e Espaço) localizado a 1,5 milhão de quilômetros da Terra.

A Noaa classificou essa tempestade solar como de categoria 2; na escala do órgão, a categoria 1 é "suave" e 5, "extrema". Kunches ressalvou que os cientistas da Noaa poderão reclassificar essa tempestade como categoria 3 ainda nesta sexta-feira. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
Espaçotempestade solar

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.