Tempestade tropical Barry chega à costa do México

A tempestade tropical Barry chegou à costa do México na manhã desta quinta-feira, enquanto integrantes da defesa civil preparavam abrigos de emergência e meteorologistas advertiam sobre a possibilidade de perigosas enchentes e deslizamentos de terra.

Agência Estado

20 Junho 2013 | 09h17

A segunda tempestade tropical da temporada de furacões no Atlântico registrava ventos máximos sustentados de 45 quilômetros por hora. O Centro Nacional de Furacões (NHC) dos Estados Unidos informou que a tempestade estava cerca de 45 quilômetros ao norte do porto de Veracruz às 4h (de Brasília) e se dirigia a oeste a 7 quilômetros por hora.

Os meteorologistas disseram que Barry vai se dirigir para o interior do território com fortes chuvas nas próximas horas e, eventualmente, vai se dissipar na sexta-feira sobre o México enquanto cruza o país.

Podem acontecer precipitações entre 76 milímetros e 254 milímetros, que podem resultar em enchentes e deslizamentos de terra, especialmente em áreas montanhosas, disseram os meteorologistas. Ventos com força de tempestade se espalhavam num raio de até 130 quilômetros do centro do sistema.

Meteorologistas disseram que os ventos já eram registrados na costa e que devem se manter durante toda a manhã. Um aviso de tempestade tropical está em vigor na região entre Punta El Lagarto até Tuxpan, no Estado de Veracruz.

A secretária de proteção civil de Veracruz, Noemi Guzman, disse que 2 mil abrigos foram preparados no Estado com colchões, cobertores, água e comida em lata. Segundo ela, os locais foram montados em escolas e centros de recreação e podem abrigar até 306 mil pessoas.

O porto de Veracruz estava fechado para pequenas embarcações por causa dos fortes ventos, informou Guzman.

A tempestade se formou como uma depressão na costa de Belize, na segunda-feira, e começou a se mover para o norte, provocando fortes chuvas em partes do país e na Guatemala antes de entrar na baía Campeche, no México, no início da semana. Fonte: Associated Press.

Mais conteúdo sobre:
Méxicotempestade tropicalBarry

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.