Erino Razafimanana/ via Reuters
Erino Razafimanana/ via Reuters

Tempestade tropical Eliakim deixa ao menos 20 mortos em Madagáscar

Fenômeno natural prejudicou quase 19 mil pessoas e deixou 9 mil desabrigados

O Estado de S.Paulo

20 Março 2018 | 04h45
Atualizado 20 Março 2018 | 08h50

ANTANANARIVO - A tempestade tropical Eliakim, que atingiu a semana passada a Ilha de Madagáscar, no Oceano Índico, deixou ao menos 20 mortos e prejudicou quase 19 mil pessoas, de acordo com um relatório oficial publicado na segunda-feira 19.

+ Tempestade tropical Tembin perde força antes de chegar ao Vietnã

+ Tempestade tropical Tembin deixa mais de 200 mortos nas Filipinas

A tempestade também deixou aproximadamente 9 mil desabrigados e várias estradas nacionais bloqueadas em razão das chuvas, informou o Escritório Nacional de Gestão de Riscos e Catástrofes.

+ Tempestade Nate avança para México e EUA

+ Furacão Maria se intensifica ao chegar à Ilha de Dominica e causa grandes danos

Madagáscar, um dos países mais pobres do mundo, é regularmente prejudicado por ciclones e outras tempestades tropicais. Em janeiro, o ciclone Ava deixou 55 mortos e 22 desaparecidos, enquanto o Enawo matou ao menos 78 pessoas em março de 2017. / AFP

Relembre: Tempestade tropical mata mais de 100 nas Filipinas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.