Templo de Borobudur sobrevive ao terremoto na Indonésia

O templo de Borobudur, o maior monumento budista conhecido, sobreviveu ao devastador terremoto de 6,2 graus na escala Richter que sacudiu a Indonésia no sábado, deixando ao menos 3.500 mortos.Borobudur, a cerca de 45 quilômetros de Yogyakarta, mantém intacto seu prestígio de centro de peregrinação e oração - a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) o declarou patrimônio da humanidade em 1991.A força da natureza respeitou o templo, construído entre os anos 750 e 850 por ordem da dinastia javanesa dos Sailendra. O nome de Borobudur deriva do sânscrito "vihara buddha ur", que pode ser traduzido como "templo budista na montanha". O monumento foi construído com dois milhões de blocos de pedra para que não se percam os conhecimentos de como o homem pode alcançar a liberação, segundo as crenças cósmicas budistas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.