Tenor italiano morre na Sicília após acidente de moto

O Hospital Garibaldi, na cidade de Catânia, na Sicília, informou nesta segunda-feira que o tenor italiano Salvatore Licitra, de 43 anos, faleceu sem ao menos recobrar a consciência, após vários dias de internação depois que sofreu um acidente de moto. A família de Licitra permitiu que os órgãos do tenor sejam doados.

AE, Agência Estado

05 Setembro 2011 | 14h54

Licitra sofreu um acidente enquanto dirigia sua moto perto da cidade siciliana de Ragusa, na noite de 27 de agosto. Ele sofreu ferimentos na cabeça e no tórax e foi submetido a cirurgias.

Licitra começou a rumar para o estrelato em 1999, quando cantou várias óperas no Teatro La Scala de Milão, cidade onde foi criado. Licitra nasceu em Berna, na Suíça, em 1968, filho de pais sicilianos. Ele foi tenor na ópera Tosca de Giacomo Puccini, em uma apresentação no Metropolitan Opera de Nova York em 2002, quando substituiu o tenor Luciano Pavarotti.

As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.