Ter cautela com os rebeldes

CINCO RAZÕES PARA...

, O Estado de S.Paulo

25 de agosto de 2011 | 00h00

1. Divisões internas. O movimento insurgente é formado por políticos que sempre se opuseram a Kadafi, dissidentes de última hora e líderes regionais e tribais com interesses divergentes. Há diferenças quase irreconciliáveis entre facções islâmicas e políticos laicos.

2. Informações falsas. Declarações sobre prisões de aliados de Kadafi e a real dimensão da área que controlam têm sido desmentidas pelos fatos.

3. Métodos violentos. Em Benghazi, membros da insurgência promoveram sessões de "caça às bruxas" e chegaram a executar pessoas acusadas de ter colaborado com o regime de Kadafi, após julgamento sumário.

4. Instinto vingativo. Líderes do movimento rebelde têm dado a entender que punirão funcionários civis e militares do regime de Kadafi, dificultando o plano de reconciliação nacional.

5. Tendência ao racismo. Insurgentes alardeiam, quase sempre em tom racista, que o regime de Kadafi tem se utilizado de mercenários da "África negra". A acusação, não suficientemente provada, de que esses mercenários promovem estupros em massa serviu de base para investigação do TPI.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.