Término de estrada entre China e Bangkok é aprovado

Acordo é assinado por representantes da China, Tailândia e Laos, e visa integrar a subregião de Mekog

Agencia Estado

21 Junho 2007 | 13h09

A 14ª Conferência Ministerial da Grande Subregião de Mekong acordou nesta quinta-feira em Manila, cláusula para terminar a estrada que ligará o sul da China com Bangkok, com a construção de pontos fundamentais na Tailândia e Laos. Os governos chinês e tailandês financiarão o projeto que deverá ser concluído no ano de 2011. O custo não é mencionado no comunicado à imprensa difundido pelo Banco Asiático de Desenvolvimento (BAD), em cuja sede foi celebrada a reunião. Uma das pontes que cruzará ambas margens do rio Mekong será erguida em Houayxay, Laos, e a outra em Chiang Khong, no norte da Tailândia. O vice-presidente do BAD, C. Lawrence Greenwood, indicou que o projeto tem "um tremendo potencial para aumentar o comércio e o turismo, e para ampliar a integração na região de Mekong". Os países que formam a região de Mekong são Camboja, China, Laos, Myanmar (Birmânia), Tailândia e Vietnã, e o acordo citado foi rubricado por representantes dos governos chinês, tailandês e de Laos. As exportações dos países dessa região do mundo totalizaram 182 milhões de dólares em 2006. O fluxo de turistas cresceu de 10 bilhões em 1995 a 22 bilhões no ano passado, segundo o Banco de Desenvolvimento da região.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.