Terremoto afeta cinco províncias da Argentina e chega ao Chile

Um terremoto de intensidade moderada afetou neste sábado as províncias argentinas de Mendoza, San Juan, La Rioja, San Luis e Córdoba, e foi percebido no Chile, informaram fontes do Instituto Nacional de Prevenção Sísmica.Os porta-vozes afirmaram que até agora não há informações sobre vítimas como conseqüência do tremor, mas o movimento quebrou vidros em casas, afetou habitações precárias e danificou fachadas de lojas na região.Além disso, as fontes informaram que o terremoto provocou "alarme e pânico, nas áreas afetadas, sobretudo nas pessoas que estavam em edifícios altos".O tremor, que aconteceu às 11h (mesmo horário de Brasília), teve uma intensidade de 5,7 graus na escala de Richter, acrescentaram os porta-vozes do instituto.De acordo com a escala internacional de Mercalli, em Mendoza o tremor atingiu uma magnitude de 5 a 6 graus; em San Juan e San Luis, de 4 graus; e em La Rioja e Córdoba, de 3 graus. O tremor também repercutiu nas regiões chilenas de Santiago e Valparaíso, mas não deixou feridos ou danos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.