Terremoto de 6,1 graus atinge o sul das Filipinas

Região fica sobre o Anel de Fogo do Pacífico, zona de grande atividade sísmica e vulcânica

03 de novembro de 2012 | 04h03

Um terremoto de 6,1 graus na escala Richter sacudiu na madrugada deste sábado, 3, o nordeste da ilha de Mindanao, localizada no sul das Filipinas, sem deixar vítimas ou provocar um tsunami.

Fontes do Serviço de Defesa Civil citadas pela imprensa local indicaram que não tinham dados sobre mortos ou danos consideráveis, mas garantiram que o terremoto foi registrado a uma grande profundidade.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos, que registra a atividade sísmica no mundo todo, localizou o foco do abalo a 38,1 quilômetros de profundidade no mar em frente à costa da província de Surigao do Sul.

As Filipinas ficam sobre o chamado Anel de Fogo do Pacífico, uma zona de grande atividade sísmica e vulcânica que é sacudida por cerca de sete mil tremores todos os anos, a maioria deles de intensidade moderada. /EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.