Andy Clark/ Reuters
Andy Clark/ Reuters

Terremoto de magnitude 6,3 atinge a Colúmbia Britânica, no Canadá

Ainda não há relatos de feridos; tremores de menor intensidade já eram sentidos desde segunda-feira, 23, em algumas regiões da província

Redação, O Estado de S.Paulo

25 de dezembro de 2019 | 02h21

Um terremoto de magnitude 6,3 atingiu uma região costeira da Colúmbia Britânica, província localizada no Canadá, na última terça-feira, 24, informou o Serviço Geológico dos Estados Unidos. Ainda não há registro de feridos.

Às 8h36 da manhã, o terremoto já era sentido em um ponto a 182 quilômetros a oeste de Port Hardy, uma cidade com cerca de 4.100 pessoas, informou a agência. Ele tinha 10 quilômetros de profundidade. "Não é esperado um tsunami", disse o Centro Nacional de Tsunamis do Alasca.

Desde a última segunda-feira, 23, uma série de cinco terremotos com magnitudes variando de 4,8 a 6,0 foi registrada na Colúmbia Britânica. O Seattle Times relatou que quatro dos cinco terremotos foram registrados principalmente na Ilha de Vancouver e no extremo norte da Ilha de Victoria, em Port Alice e Port Hardy, respectivamente, segundo o site do governo Earthquakes Canadá. Todas as regiões citadas fazem parte da Colúmbia Britânica.

Segundo o site, os terremotos registrados na segunda-feira em torno da Ilha Vancouver foram de magnitudes: 5,1 às 8:44 da manhã; 5,6 às 11:13 da manhã; 5,8 às 11:49 da manhã; 6,0 às 12:56 e uma 4,8 às 15:38. Além disso, um terremoto de magnitude 4,3 foi registrado às 21h32 nas Ilhas da Rainha Charlotte, localizada na Ilha de Moresby, a noroeste de Victoria, capital da Colúmbia Britânica./ AP

Tudo o que sabemos sobre:
Canadá [América do Norte]terremoto

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.