Adalberto Roque/AFP
Adalberto Roque/AFP

Alerta de tsunami para países do Caribe é retirado

Ameaça de ondas provocadas por terremoto de magnitude 7,7 já passou, afirmou Centro Internacional de Informações sobre Tsunamis

Redação, O Estado de S.Paulo

28 de janeiro de 2020 | 17h12

Um terremoto de magnitude 7,7 sacudiu nesta terça-feira (28) o Mar do Caribe entre Cuba e Jamaica, informou o Instituto Geológico dos Estados Unidos (USGS), que ativou um alerta, já retirado, de possível tsunami na região.

Segundo o informe do USGS, o terremoto foi registrado a 10 km de profundidade às 19h10 GMT (16h10 de Brasília), 125 km a noroeste de Lucea, na Jamaica. O jornal Jamaica Observer, com sede em Kingston, disse que o sismo foi sentido em boa parte da ilha e durou vários segundos.

O Centro de Alerta de Tsunamis do Pacífico no Havaí deu conta, com base em leituras preliminares, da "possibilidade de perigosas ondas de tsunami para a costa situada dentro dos 300 quilômetros do epicentro do terremoto".  Entre os países que poderiam ser atingidos, estavam México, Belize, Cuba, Honduras, Jamaica e Ilhas Cayman.

No começo da noite desta terça-feira, no entanto, o Centro Internacional de Informações sobre Tsunamis emitiu um comunicado avisando que a ameaça já havia passado.  /Reuters e AFP

Tudo o que sabemos sobre:
tsunami

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.