AFP
AFP

Terremoto em região rural da China deixa ao menos 6 mortos e danifica 3 mil casas

Muitas casas tradicionais do local de maioria étnica uighur desabaram; tremor foi de magnitude 6,5 

O Estado de S. Paulo

03 de julho de 2015 | 09h58

PEQUIM - Um forte terremoto atingiu uma parte rural de Xinjiang, no extremo oeste chinês, nesta sexta-feira, 3, matando ao menos seis pessoas, ferindo dezenas e danificando milhares de casas, informaram o governo e a mídia estatal.

Muitas casas tradicionais na região de maioria étnica uighur desabaram em razão do tremor de magnitude 6,5 que ocorreu 160 quilômetros a noroeste da cidade de Hotan, de acordo com autoridades de emergência.

O Ministério de Assuntos Civis informou que pelo menos três mil casas desabaram ou ficaram seriamente danificadas, e mil barracas seriam enviadas à região. A agência estatal de notícias Xinhua colocou o número de feridos em 50.

Imagens publicadas nas redes sociais e na televisão estatal mostraram rachaduras em prédios e outros danos.

Terremotos são frequentes na China. Um tremor na província de Sichuan, no sudoeste, matou quase 70 mil pessoas em 2008. /REUTERS

Tudo o que sabemos sobre:
Chinaterremoto

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.