Terremoto mata 13 no Usbequistão

Epicentro do tremor ocorreu no vizinho Quirguistão; região abalada tem mais de 200 mil habitantes

Agência Estado

20 de julho de 2011 | 11h05

ALMATY - Treze pessoas morreram nesta quarta-feira, 20, após um forte terremoto no vale de Ferghana, região densamente povoada do Usbequistão. O tremor de magnitude 6,2, cujo epicentro foi localizado no vizinho Quirguistão, ocorreu pouco depois da meia-noite (horário local) na região montanhosa que fica a cerca de 35 quilômetros da cidade usbeque de Ferghana, que tem uma população de mais de 200 mil habitantes.

 

Veja também:

especial 50 anos de desastres no mundo

 

O Ministério de Serviço de Emergências disse em comunicado que das 86 pessoas feridas, 35 foram hospitalizadas. Funcionários do governo informaram que edifícios em várias cidades da província de Ferghana ficaram danificados.

 

Embora o epicentro tenha sido localizado no Quirguistão, não há relatos de mortes no país. Kanat Abdrakhmatov, chefe do instituto sismológico da Academia Nacional de Ciências, disse que o local do epicentro é uma região pouco habitada.

 

Terremotos são relativamente frequentes nesta região da ex-União Soviética na Ásia Central. Um terremoto de magnitude 6,6 perto das fronteiras do Quirguistão com o Tajiquistão e a China arrasou a vila de Nura, nas montanhas, em julho de 2008, matando pelo menos 74 pessoas. As informações são da Associated Press.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.