Terremoto mata pelo menos 42 na Turquia

Um terremoto de seis graus na Escala Richter derrubou, neste domingo, dezenas de edifícios e casas na região central da Turquia, deixando pelo menos 42 mortos e mais de 150 feridos. Várias pessoas em pânico se feriram ao saltarem das janelas e sacadas das casas. Equipes de resgate trabalham na remoção dos encombros a procura de sobreviventes. O epicentro do tremor foi identificado a 300 quilômetros ao sudeste de Istambul. Há três anos, um abalo matou milhares de pessoas no país. A Turquia está localizada sobre uma falha geológica, o que deixa a população em estado permanente de alerta contra possíveis novos tremores.A região mais afetada neste domingo foi a de Sultandagi, onde morreram, pelo menos, 15 pessoas. O primeiro ministro, Bulent Ecevit, fez um pronunciamento em rede de TV aconselhando as pessoas a deixarem as casas afetadas pelo sismo. O tremor foi sentindo também nas províncias centrais de Ancara, Burdur, Isparta Eskeisehir, Kocaeli e Sakarya, num raio de 500 quilômetros do epicentro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.