Tatan Syuflana / AP
Tatan Syuflana / AP

Terremoto na Indonésia matou 34 estudantes de Teologia

Eles participavam de um retiro religioso em uma Igreja soterrada na Ilha Célebes

O Estado de S.Paulo

01 Outubro 2018 | 23h22

PALU, INDONÉSIA -  Socorristas indonésios descobriram os corpos de 34 estudantes de Teologia em uma igreja na Ilha Célebes, soterrada por um deslizamento de terra em razão do terremoto de sexta-feira, anunciou nesta terça-feira uma porta-voz da Cruz Vermelha local.

"A equipe (de socorristas) encontrou 34 corpos no total", declarou à AFP Aulia Arriani. 

A princípio, foi declarado o desaparecimento de 86 estudantes, que participavam de um retiro religioso no distrito de Sigi Biromaru.

Segundo Ariani, o local é de difícil acesso. "O problema mais sério é andar a pé na lama durante uma hora e meia transportando os corpos." 

O centro da Ilha de Célebes ficou devastado pelo terremoto seguido de tsunami na noite de sexta-feira, que deixou ao menos 844 mortos.

Na cidade costeira de Palu, as ondas destruíram prédios, carregaram veículos e devastaram a vegetação. 

O número total de mortos segue crescendo à medida em que os socorristas têm acesso às zonas mais remotas, como o distrito de Sigi Biromaru, a sudeste de Palu.  / AFP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.