Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Terremotos matam ao menos 38 na África; centenas estão feridos

Terremotos atingiram Ruanda e aRepública Democrática do Congo no domingo, matando pelo menos38 pessoas e ferindo gravemente pelo menos 550, disseramautoridades. Ambos os terremotos aconteceram quase ao mesmo tempo naregião dos Grandes Lagos da África. O primeiro, com umamagnitude de 6 graus e com o epicentro na República Democráticado Congo, aconteceu às 10h30 (horário local), seguido de umoutro de magnitude 5 na densamente povoada região sul deRuanda, três horas depois. "O número de mortes (em Ruanda) cresceu para 33 pessoas, emais de 400 estão feridos com gravidade", disse a subchefe dapolícia local, Mary Gahonzire à Reuters. Ela afirmou que ostrabalhos de resgate já estavam acontecendo. O governador em atividade da província de Kivu do Sul, noCongo, Bernard Watunakanza, disse à Reuters por telefone dacidade de Bukavu que havia novos tremores a cada 20 ou 30minutos. "Até agora, há cinco mortos e 149 feridos graves. Muitaspessoas estão traumatizadas", disse ele. Testemunhas no Congo disseram ter presenciado cenas depânico. "Foi um medo que eu não pude explicar. Nós pensamos que jáestávamos mortos", disse Jacqueline Hachez, moradora de Bukayu. "Nós nunca vimos um terremoto como este aqui antes. Umaparte da minha casa está prestes a cair dentro do lago (Kivu)." Um membro da missão de paz da ONU disse que prédios haviamsido destruídos em Bukavu. "Há muitos danos. Muitos prédios foram atingidos. Muitascasas foram completamente destruídas", disse a porta-vozJacqueline Chenard. Terremotos são comuns na região conhecida como Vale daGrande Falha --uma linha sismicamente ativa que compreende ooeste de Uganda, o leste da República Democrática do Congo,Ruanda e a Tanzânia. Em 1994, um tremor de magnitude 6 nos pés da montanhasRwenzori, em Uganda, matou pelo menos seis pessoas. Em 1997, umterremoto de magnitude 7 matou 157 pessoas e feriu mais de1.300 no Vale Semliki, também no oeste de Uganda. (Reportagem adicional de Joe Bavier, em Kinshasa)

ARTHUR ASIIMWE, REUTERS

03 de fevereiro de 2008 | 19h40

Tudo o que sabemos sobre:
AFRICATERREMOTO

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.