Terroristas ameaçam decapitar mais seis reféns no Iraque

Um grupo terrorista disse ter capturado seis reféns - três indianos, dois quenianos e um egípcio - e que irá decapitá-los se os respectivos países não anunciarem imediatamente a retirada do Iraque. A tomada dos reféns ocorre um dia depois de um caminhoneiro filipino ter sido libertado em troca da retirada dos 51 homens mantidos por Manila no Iraque. A decisão do governo das Filipinas foi criticada pelos EUA, que temem que a retirada estimule novas chantagens do mesmo tipo.Em declaração entregue à Associated Press, o grupo, que se intitula ?Detentores das Bandeiras Negras?, disse ter aprisionado seis caminhoneiros e que irá decapitá-los, um a cada 72 horas, se suas nações não saírem do Iraque e se as empresas para as quais trabalham não fecharem suas filiais iraquianas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.