Terroristas fogem da prisão nas Filipinas

Integrantes do grupo radical islâmico Abu Sayaf estão entre os mais de 50 presos que escaparam da prisão de Basilan, nas Filipinas, segundo fontes oficiais. A polícia matou nove fugitivos e capturou outros oito. O chefe de polícia da região, William Gudayan, suspeita que a fuga de membros do grupo ligado à Al-Qaeda seja uma resposta ao assassinato de Hamsiraji Sali, um dos líderes do movimento, pelo Exército.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.