Tibetano ateia fogo a corpo antes de visita de Hu Jintao à Índia

Um tibetano ateou fogo ao próprio corpo em Nova Délhi nesta segunda-feira, em um protesto contra a visita do presidente chinês, Hu Jintao, que chegará à Índia no final da semana para uma cúpula.

REUTERS

26 de março de 2012 | 07h52

Fotos tiradas por um fotógrafo da Reuters mostram o manifestante envolvido em chamas, antes de ser levado ao hospital com queimaduras no tronco. Não ficou claro quão grave eram os seus ferimentos.

Trinta tibetanos atearam fogo a si mesmos, a maioria no sudoeste da China, no último ano em protesto contra o regime da China no Tibet, de acordo com grupos tibetanos de direitos humanos. Pelo menos vinte deles morreram.

(Reportagem de Adnan Abidi)

Tudo o que sabemos sobre:
INDIAFOGOTIBET*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.