Tiroteio em casa de shows nos EUA deixa 13 feridos

Uma briga fora de uma boate no subúrbio de Phoenix acabou em tiroteio, deixando 13 pessoas feridas, duas em estado grave, informou a polícia neste sábado.

AE-AP), Agência Estado

03 de março de 2012 | 14h28

Os policiais estão procurando dois homens jovens como possíveis suspeitos, que fugiram do local após o tiroteio ocorrer um pouco antes da meia-noite no estacionamento do The Clubhouse Music Venue, localizado cerca de 7 milhas a leste do centro de Phoenix.

O sargento Steve Carbajal disse que pelo menos dois feridos foram hospitalizados em condições de saúde sérias, enquanto outros receberam tratamento para ferimentos menos severos.

Mas ele afirmou que alguns dos feridos foram sozinhos para vários hospitais da região, então a polícia não está certa se há outras vítimas além das 13 contabilizadas.

A polícia procura um homem, que segundo as descrições é negro e estava vestindo roupas pretas. Ele teria fugido a pé do clube pela rodovia East Broadway.

Segundo Carbajal, o tiroteio foi resultado de "algum tipo de briga" no clube, onde um concerto de rap estava sendo realizado. Ele não forneceu detalhes sobre a briga.

De acordo com o site do clube, o estabelecimento realiza shows de música à noite há seis anos para um público de todas as idades.

Tudo o que sabemos sobre:
EUAtiroteiocasa de shows

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.