Tiroteios deixam 14 mortos em duas cidades no México

Pelo menos 14 pessoas morreram na sexta-feira em dois tiroteios ocorridos no norte do México, segundo as autoridades. No ataque mais recente, homens armados dispararam contra um grupo de jogadores de voleibol no Estado de Sinaloa, matando oito pessoas e ferindo pelo menos sete.

AE, Agência Estado

05 de novembro de 2011 | 12h36

As autoridades não sabem se o tiroteio está relacionado com os cartéis de drogas, mas Sinaloa é sede da poderosa organização criminosa de Joaquín "El Chapo" Guzmán.

Outro tiroteio ocorreu em Ciudad Juárez, quando dois grupos armados se enfrentaram, fazendo centenas de disparos nas ruas desta cidade fronteiriça no norte do México, num choque que deixou pelo menos seis mortos. As autoridades não identificaram os envolvidos, mas os cartéis de Sinaloa e Juárez se enfrentam desde 2008 nesta cidade fronteira com El Paso, Texas. Estes choques já deixaram mais de 7 mil mortos.

Na sexta-feira, a polícia federal informou também que prendeu o segundo dos três supostos líderes de um grupo de narcotraficantes envolvido numa sangrenta batalha pelo controle de Acapulco, centro turístico no Pacífico. Víctor Manuel Rivera foi capturado sexta-feira no Estado do México. As informações são da Associated Press.

Tudo o que sabemos sobre:
Méxicocarteltiroteios

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.